GASTRITE

gastriteTerapia aconselhada:

Para o tratamento da gastrite e outros problemas de estômago, recomendam-se alimentos como o leite, queijos, creme, farinha de cereais, plátano.

Também se podem comer alguns alimentos neutros, como ovos duros, batatas cozidas em água, sopas de massa e galeto são igualmente boas para o estomago.

Recomenda-se ainda fazer várias refeições pequenas em lugar de poucas e abundantes.

A gastrite e a azia no estômago, reduzem ainda os seus sintomas com a ingestão do gel puro de Aloe Vera, ferro e vitaminas A, E, B6 e B 12.

O que é:

A gastrite é a inflamação e a irritação das membranas do estômago, e a colite é a inflamação das membranas do cólon.

Ao contrário da gastrite, a úlcera gástrica é uma chaga ou ferida nas paredes do estômago ou do intestino delgado.

Sintomas:

Os sintomas da gastrite são:
1. Dispepsia;
2. Má digestão;
3. Vómitos;
4. Dores de cabeça;
5. Sensação de acidez e;
6. Mal-estar.

No caso da úlcera, sente-se uma dor na boca do estômago, a qual diminui ao ser ingerido um copo de leite!
Ao contrário, se ingerir álcool ou comer muita pimenta, a dor no estômago aumenta depois de duas ou três horas.

As úlceras graves podem produzir vómitos ácidos ou até com sangue.
O excremento pode sair com sangue de cor escura.

Causas:
As causas principais da gastrite, são:
1. Excesso de álcool;
2. Excesso de café;
3. Excesso de alimentos fritos e condimentados e;
4. Stress excessivo.

Quando a gastrite persiste, evolui para uma úlcera gástrica.

Tratamento:
No tratamento da gastrite devem eliminar-se os condimentos, a pimenta, o álcool, o café, as aspirinas e as frituras.

Atenção:
Se as fezes aparecerem com sangue, é sinal de perigo.

Recomenda-se ingerir:
Vitaminas: A, complexo B (B5, B6, B12), C, D, E, K.
Minerais: cálcio e ferro.

  1. Gel puro de Aloe, com muita água.
  2. Multiminerais.
  3. Beta-Caroteno com vitamina E.
  4. Própolis de Abelha
Anúncios

Gota

Gota, ácido úrico, artrite, reumatismoTerapia recomendada:

Vitaminas: A, (beta-caroteno), B1, B5, B6, C e E.

Minerais: cálcio, magnésio, ferro, fósforo, potássio e zinco

Outras: flavonóides (morango e cerejas)

1. Sumo de Aloe e Berry Nectar

2. Geleia real

3. Beta-caroteno e vitamina E

4. Multiminerais

5. Ómega-3

6. Loção balsâmica de Aloe Vera para friccionar no lugar da dor

A GOTA é um tipo de artrite causada pela presença de cristais de ácido úrico nas articulações dos pés e das mãos. Ela apresenta-se principalmente nos homens (95%).

A gota manifesta-se por uma intensa dor nos dedos dos pés e das mãos.

Podem apresentar-se pedras de ácido úrico nos rins.

Causas:

A causa é um problema metabólico que se manifesta como um excesso de ácido Úrico no sangue e depósitos de sais destes ácidos nos tecidos que circundam as articulações (principalmente dos dedos das mãos e dos pés), irritando essas áreas, fazendo com que elas se inflamem e produzam uma forte dor.

Uma alimentação inadequada, as carnes vermelhas, a obesidade e os factores hereditários, assim como o stress são as causas dessa moléstia.

O tratamento mais comum consiste em:

  1. Ingerir muitos líquidos;
  2. Submeter-se a um programa de redução de peso se for obeso;

  3. Eliminar carnes vermelhas e gorduras;

  4. Eliminar o consumo de bebidas alcoólicas;

  5. Eliminar os carboidratos refinados (farinha branca e açúcar branco);

  6. Comer morangos, cerejas e “cranberry” (uva do monte) em quantidade;

  7. Recomenda-se ingerir as vitaminas A, B1, B2, B12 e E e os minerais cálcio, ferro, magnésio, fósforo e potássio

O Dr. Ludwig V. Blau descreve no “Texas Report on Biology and Medicine” os excelentes resultados que obteve ao receitar para seus pacientes portadores de gota, 50 a 60 cerejas, morangos e“cranberry” diariamente, eliminando-se a dor e a inflamação das articulações.

Esses produtos são ricos em flavonóides, que dão a coloração vermelho-azulada a esses frutos, além de deter a destruição do colageneo, que é a substância básica das cartilagens e tendões.